A produção científica sobre hanseníase dos líderes e vice-líderes dos grupos de pesquisa no Diretório de Grupos de Pesquisa (DGP)

Autores

  • Carolina Rodrigues Barreiros da Silva Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde
  • Márcia de Oliveira Teixeira Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio
  • Cícera Henrique da Silva Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde

Palavras-chave:

Hanseníase. Estudos métricos da informação. Produção científica. Plataforma Lattes.

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar a produção científica sobre hanseníase, sob a forma de artigos publicados em periódicos, circulante entre 2001 e 2020, referida no Currículo Lattes dos líderes e vice-líderes dos grupos de pesquisa, certificados no Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq e inseridos nas grandes áreas das Ciências Biológicas e das Ciências da Saúde. A pesquisa empregou, para tanto, procedimentos metodológicos e o quadro conceitual dos Estudos Métricos da Informação. Delimitamos a análise bibliométrica à produção dos referidos pesquisadores quanto à distribuição temporal, país de origem do periódico, título do periódico e afiliação institucional do autor líder/vice-líder. Concluiu-se ao final que o pico de publicações entre os 313 artigos considerados para a análise bibliométrica ocorreu em 2017 e 121 periódicos diferentes foram utilizados para comunicar as pesquisas. Destes, 46,28% eram periódicos brasileiros, porém o título mais escolhido pelos pesquisadores foi o PLoS Neglected Tropical Diseases, dos Estados Unidos da América. Em relação às afiliações institucionais dos líderes/vice-líderes, a Universidade Federal do Ceará foi a instituição que mais vezes apareceu como sendo a origem dos pesquisadores nas publicações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, N. A. “Hanseníase: o que está sendo eliminado?”. 2018. 55f. Dissertação (Mestrado em Ciências Aplicadas a Produtos para Saúde) - Universidade Estadual de Goiás, Anápolis, 2018. Disponível em: https://www.bdtd.ueg.br//handle/tede/126. Acesso em: 03 abr. 2021.

ARAÚJO, C. A. Á. Fundamentos da Ciência da Informação: correntes teóricas e o conceito de informação. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 4, n. 1, p. 57–79, jan./jun. 2014. (online) Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/pgc/article/view/19120. Acesso em: 3 abr. 2021.

BASSOLI, M. Avaliação do Currículo Lattes como fonte de informação para construção de indicadores: o caso da UFSCar. 2017. 128 p. Dissertação (Mestrado em Ciência, Tecnologia e Sociedade) – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2017. Disponível em: https://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/8908. Acesso em: 26 jan. 2022.

BRASIL. Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Portaria nº 577, de 4 de junho de 2014. Fica reeditado o Programa Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia – INCT. Diário Oficial da União: seção 1, Brasília, DF, ano 151, n. 106, p. 5, 5 jun. 2014. Disponível em: https://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=05/06/2014&jornal=1&pagina=5&totalArquivos=124. Acesso em: 29 mai. 2022.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. Boletim Epidemiológico de Hanseníase 2021. Número Especial. Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2021. Disponível em: http://www.aids.gov.br/pt-br/pub/2021/boletim-epidemiologico-hanseniase-2021. Acesso em: 15 abr. 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis. Boletim Epidemiológico de Hanseníase 2022. Número Especial. Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2022. Disponível em: http://www.aids.gov.br/pt-br/pub/2022/boletim-epidemiologico-de-hanseniase-2022. Acesso em: 3 abr. 2022.

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO. Líder de grupo de pesquisa. 2022. Disponível em: https://www.lattes.cnpq.br/web/dgp/glossario?p_p_id=54_INSTANCE_QoMcDQ9EVoSc&_54_INSTANCE_QoMcDQ9EVoSc_struts_action=%2Fwiki_display%2Fview&_54_INSTANCE_QoMcDQ9EVoSc_nodeName=Main&_54_INSTANCE_QoMcDQ9EVoSc_title=L%C3%ADder+de+grupo+de+pesquisa. Acesso em: 14 mai. 2022.

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO. Módulo Produção Bibliográfica. Arquivos de ajuda da Plataforma Lattes. 2009. Disponível em: http://ajuda.cnpq.br/index.php/M%C3%B3dulo_Produ%C3%A7%C3%A3o_Bibliogr%C3%A1fica. Acesso em: 16 mar. 2021.

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO. Sobre a plataforma Lattes. 2021. Disponível em: https://memoria.cnpq.br/web/portal-lattes/sobre-a-plataforma. Acesso em: 1 dez. 2021.

COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Qualis Periódicos. 2016. Disponível em: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/veiculoPublicacaoQualis/listaConsultaGeralPeriodicos.jsf. Acesso em: 21 mai. 2022.

CURTY, R. G.; DELBIANCO, N. R. As diferentes metrias dos estudos métricos da informação:: evolução epistemológica, inter-relações e representações. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 25, p. 1-21, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.5007/1518-2924.2020.e74593 Acesso em: 8 mar. 2022.

DUCATI, R. G.; BASSO, L. A.; SANTOS, D. S. Micobactérias. In: TRABULSI, L. R.; ALTERTHUM, F. (Orgs.). Microbiologia. 5. ed. São Paulo: Atheneu, 2008. cap. 65, p. 423–436.

ELSEVIER. Microbial Pathogenesis. 2022. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/journal/microbial-pathogenesis. Acesso em: 21 mai. 2022.

FERREIRA, I. N. Hanseníase no contexto das doenças negligenciadas. In: ALVES, E. D.; FERREIRA, T. L.; FERREIRA, I. N. (Orgs.). Hanseníase: avanços e desafios. PROEXT. 1. ed. Brasília: NESPROM, 2014. cap. 2, p. 41–44.

GARCIA, J. L.; MARTINS, H. O ethos da ciência e suas transformações contemporâneas, com especial atenção à biotecnologia. Scientiae Studia, v. 7, n. 1, p. 83–104, 2009. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ss/v7n1/v7n1a05.pdf. Acesso em: 21 abr. 2021.

HAN, X. Y.; SEO, Y. H.; SIZER, K. C.; SCHOBERLE, T.; MAY, G. S.; SPENCER, J. S.; LI, W.; NAIR, R. G. A New Mycobacterium Species Causing Diffuse Lepromatous Leprosy. American Journal of Clinical Pathology, v. 130, n. 6, p. 856–864, 1 dez. 2008. Disponível em: https://academic.oup.com/ajcp/article-lookup/doi/10.1309/AJCPP72FJZZRRVMM. Acesso em: 10 mar. 2021.

INSTITUTO DE ESTUDOS EM SAÚDE COLETIVA. Cadernos Saúde Coletiva. 2022. Disponível em: http://www.iesc.ufrj.br/cadernos/inicio. Acesso em: 21 mai. 2022.

ISSN INTERNATIONAL CENTRE. ISSN Portal. 2022. Disponível em: https://portal.issn.org. Acesso em: 21 mai. 2022.

JARDIM, C. P.; SANTOS, H. L. P. C. dos; ARAÚJO, V. M. de; ARAÚJO, A. L. dos S.; OLIVEIRA, J. S.; SOUZA, E. A.; PRADO, N. M. de B. L. Análise da produção científica brasileira sobre hanseníase identificada na base de dados web of science. Arquivos de Ciências da Saúde da UNIPAR, Umuarama, v. 24, n. 2, p. 105-111, maio/ago. 2020. Disponível em: https://www.revistas.unipar.br/index.php/saude/article/view/7709/3943. Acesso em: 16 abr. 2021.

LEANO, H. A. M.; ARAÚJO, K. M. F. A.; BUENO, I. C.; NIITSUMA, E. N. A.; LANA, F. C. F. Socioeconomic factors related to leprosy: an integrative literature review. Revista brasileira de enfermagem, v. 72, n. 5, p. 1405–1415, 16 set. 2019. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/31531668/. Acesso em: 11 mar. 2021.

LEPROSY REVIEW. About Us. 2022. Disponível em: https://leprosyreview.org/about. Acesso em: 21 mai. 2022.

LEYDESDORFF, L.; WAGNER, C. Macro-level indicators of the relations between research funding and research output. Journal of Informetrics. v. 3, n. 4, p.353-362, 2009. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.joi.2009. Acesso em: 30 mai. 2022.

LIMA, J. M.; VITULLO, N. A. V. Produção científica e produtivismo acadêmico no processo avaliativo da pós-graduação brasileira. BiblioCanto, v. 5, n. 1, p. 18 - 41, 30 dez. 2019. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/bibliocanto/article/view/18423/12349. Acesso em: 19 fev. 2022.

MENA-CHALCO, J. P.; CESAR JR, R. M. scriptLattes: Uma ferramenta para extração e visualização de conhecimento a partir de Currículos Lattes. 2018. Disponível em: http://scriptlattes.sourceforge.net/. Acesso em: 9 mar. 2021.

MODELLI, L. Brasil enfrenta desabastecimento de remédios de hanseníase e entidades dizem que governo ignora alertas há mais de um ano. G1, [s.l.], 03 fev. 2021. Ciência e Saúde. Disponível em: https://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2021/02/03/brasil-enfrenta-desabastecimento-de-remedios-de-hanseniase-e-entidades-dizem-que-governo-ignora-alertas-ha-mais-de-um-ano.ghtml. Acesso em: 25 jan. 2022.

MOREL, C. M. A internacionalização de agendas de pesquisa: desafios e perspectivas. Ciência e Cultura, v. 57, n. 1, p. 39-41, Mar. 2005. Disponível em: http://cienciaecultura.bvs.br/pdf/cic/v57n1/a19v57n1.pdf. Acesso em: 21 out. 2022.

MUELLER, S. P. M. A ciência, o sistema de comunicação científica e a literatura científica. In: CAMPELLO, B. S.; CENDÓN, B. V.; KREMER, J. M. (Orgs.). Fontes de informação para pesquisadores e profissionais. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2000. cap.1, p.21-34.

NISHIDA, L. A pesquisa tecnocientífica e o SUS: a tradução de agendas de pesquisa em laboratórios biomédicos. 2019. 168 f. Dissertação (Mestrado em Informação e Comunicação em Saúde) - Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2019. Disponível em: https://www.arca.fiocruz.br/bitstream/icict/43957/2/lucas_nishida_icict_mest_2019.pdf. Acesso em: 13 mai. 2022.

PLOS NEGLECTED TROPICAL DISEASES. Journal Information. 2022. Disponível em: https://journals.plos.org/plosntds/s/journal-information. Acesso em: 9 mai. 2022.

POLICY CURES RESEARCH. G-FINDER 2019 - Neglected Disease Research and Development: Uneven Progress. Austrália: Policy Cures Research, jan. 2020. Disponível em: https://s3-ap-southeast-2.amazonaws.com/policy-cures-website-assets/app/uploads/2020/01/30100951/G-Finder-2019-report.pdf. Acesso em: 12 abr. 2021.

SCIENTIFIC ELECTRONIC LIBRARY ONLINE. Portal SciELO. 2022. Disponível em: https://scielo.org/. Acesso em: 21 mai. 2022

SILVA, C. R. B. da. Um estudo métrico da hanseníase: análise da produção científica de líderes e vice-líderes no diretório de grupos de pesquisa do CNPq. 2022. 160 f. Dissertação de Mestrado (Mestrado em Informação e Comunicação em Saúde) – Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2022.

SOBRAL, N. V. Alinhamento da produção científica do programa de pós-graduação em medicina tropical da UFPE às necessidades sociais de saúde tropical em Pernambuco: análise cientométrica. 2015. 145 f. Dissertação de Mestrado (Mestrado em Ciência da Informação) – Programa de Pós- Graduação em Ciência da Informação, Universidade Federal de Pernambuco. Recife, 2015. Disponível em: https://repositorio.ufpe.br/bitstream/123456789/13842/1/Natanael Vitor Sobral v_BDTD.pdf. Acesso em: 14 fev. 2021.

SPINAK, E. Indicadores cienciométricos. Ciência da informação, v. 27, n. 2, p. 141-148, 1998. Disponível em: http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/795. Acesso em: 12 mar. 2022.

TARGINO, M. G. A região geográfica como fator interveniente na produção de artigos de periódicos científicos. In: MUELLER, S. P. M.; PASSOS, E. J. L. (org.). Comunicação Científica. Brasília: Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal de Brasília, 2000. p.51-72

VAN BRAKEL, W. H.; PETERS, R. M. H.; PEREIRA, Z. B. S. Stigma related to leprosy – a scientific view. In: SCOLLARD, D. M.; GILLIS, T. P. (orgs.). International textbook of leprosy. 2019. Cap. 4.5. p. 1-32. Disponível em: www.internationaltextbookofleprosy.org. Acesso em: 12 jul. 2022.

WORLD HEALTH ORGANIZATION. Neglected tropical diseases (NTDs). 2022. Disponível em: https://www.who.int/health-topics/neglected-tropical-diseases. Acesso em: 21 out. 2022.

Publicado

2022-11-18

Como Citar

SILVA, C. R. B. da; TEIXEIRA, M. de O.; SILVA, C. H. da. A produção científica sobre hanseníase dos líderes e vice-líderes dos grupos de pesquisa no Diretório de Grupos de Pesquisa (DGP) . Asklepion: Informação em Saúde, Rio de Janeiro, RJ, v. 2, p. 162–181, 2022. Disponível em: https://asklepionrevista.info/asklepion/article/view/53. Acesso em: 9 dez. 2022.